Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Desastres ambientais e solidariedade’ Category

Missa de Cinzas – Última Homilia do Papa Bento XVI – 13.02.2013 – Basílica de São Pedro (Rede Aparecida)

Missa de Cinzas – Última Homilia do Papa Bento XVI – 13 de Fevereiro de 2013 – Basílica de São Pedro

Publicado por Rede Aparecida (em 14/02/2013).

Transcrição – texto completo em Português: http://www.vatican.va/holy_father/ben…

Read Full Post »

Nossa Senhora das Graças – Solenidade – 27 de novembro (A Medalha Milagrosa e seu Significado – Vídeo – YouTube – 2012)

A Medalha Milagrosa de Nossa Senhora das Graças e seu Significado

Read Full Post »

Fonte: Agência Fides

17.03.2011

ÁSIA/JAPÃO – A Caritas: “Pronta para trabalhar junto com o Governo em favor da emergência e da reconstrução”

Roma (Agência Fides ) – A Caritas do Japão, com o apoio da rede da Caritas Internacional, está pronta para trabalhar junto com o Governo japonês em favor da emergência e a reabilitação das populações atingidas pelo terremoto e pelo tsunami: foi o que disse à Agência Fides Pe. Bonnie Mendes, Diretor do Departamento Ásia da Caritas Internacional, que em Bangcoc está desempenhando uma função de coordenação entre o Governo, a rede internacional e os escritórios centrais. “A obra da Caritas no Japão – explica à Fides – agora é a de se preparar para responder às necessidades que o Governo irá solicitar no campo das ajudas humanitárias. Por isto, instituímos um Centro de Emergência em Sendai. As operações de resgate são realizadas por pessoas da proteção civil nipônica, altamente qualificadas, no campo dos recursos e de tecnologias. Neste caso, onde o desastre atingiu uma sociedade muito bem organizada, não é necessária a presença de voluntários armados somente de boa vontade, mas servem ajudas miradas. A Caritas é uma das organizações que, se chamada para ajudar, estará pronta para entrar em campo para ajudar nas emergências”. Pe. Mendes ressalta ambém que “o problema da possibilidade de contaminação nuclear, impõe máxima prudência e pessoas especializadas também na equipe de resgate”. “O nosso trabalho – ressalta o Diretor da Caritas Ásia – será mais útil, amplo e intenso na segunda fase, relativa à reabilitação pós-emergência. Então teremos que fazer o máximo esforço”. Pe. Mendes disse que “está muito contente com as respostas que chegam dos países asiáticos: as Caritas de Cingapura, Macau, Taiwan, Mianmar e Vietnã, país muito pobre e com dificuldade internas, arrecadaram fundos. Muito ativa está sendo também a Caritas Coreia que, com outros grupos cristãos, está se ativando para ajudar com recursos humanos e tecnológicos a Caritas no Japão. Também na Índia e no Paquistão as comunidades católicas iniciaram coletas e estão acompanhando o povo japonês com a oração. É uma grande manifestação de solidariedade que nos conforta muito”. Sobre o comportamento que hoje vivem os católicos e todo o povo japonês, Pe. Mendes cita as palavras do Salmo 50: “Um coração contrito e humilde tu não o despreza”. “Estou certo de que Deus ouvirá o grito e as orações deste povo que sofre neste momento”. (PA) (Agência Fides 17/3/2011)

Read Full Post »

Fonte: Rádio Vaticano

11/03/2011

Bento XVI deseja uma Quaresma marcada pela atenção aos pobres

(11/3/2011) Bento XVI recebeu em audiência nesta sexta feira 45 membros da associação caritativa Pro Petri Sede.
Temos uma responsabilidade em relação aos pobres do nosso tempo disse o Papa ,dirigindo-se aos membros desta associação agradecendo-lhes pela sua ajuda ás populações tão duramente provadas nos últimos tempos e em particular as populações de Haiti, atingidas pelo terramoto nos meses passados.
Bento XVI recordou que a esmola é um dos empenhos centrais da Quaresma e sublinhou como, contribuindo a lutar contra a pobreza, esmola e partilha aproximam-nos dos outros.
“ Verdadeiramente nós precisamos de nos deixar iluminar pela luz de Cristo, para que, do nosso lado, sentindo a urgência da nossa responsabilidade em relação aos pobres do nosso tempo, possamos dirigir sobre eles o nosso olhar que restitui confiança.
Bento XVI afirmou que o “serviço da caridade” pertence à “própria natureza da Igreja” e que esta deve oferecer tanto a “indispensável assistência material” como a “atenção do coração e do amor de que as pessoas em dificuldade tanto precisam”.

Publicado em Rádio do Vaticano.

Read Full Post »