Dois cristãos mortos, enquanto reabre a igreja do massacre; o protesto no Facebook (Notícia – Agência Fides – 08.11.2010)

 

Fonte/imagem/texto: Nova Evangelização  “Jesus no Horto das Oliveiras”

______________________________________________________________________________

Fonte: Agência Fides

08.11.2010

ÁSIA/IRAQUE – Dois cristãos mortos, enquanto reabre a igreja do massacre; o protesto no Facebook

Bagdá (Agência Fides) – Volta a liturgia na igreja sírio-católica de Nossa Senhora do Socorro em Bagdá, depois do atentado de cristãos de 31 de outubro, mas permanece o medo entre os fiéis: fontes locais referiram que ontem dois cristãos foram mortos em Bagdá, em circunstâncias que a polícia deve ainda esclarecer. “Não nos surpreendemos mais com estes episódios de violência que são cotidianos”, disse à Fides um sacerdote de Bagdá. Os fiéis iraquianos registram um amplo apoio internacional que também se expressa na web, usando o site de redes sociais Facebook.

Ontem, domingo, 7 de novembro, uma semana após o massacre de 58 pessoas, mais de 200 fiéis participaram da primeira Santa Missa na Igreja de Nossa Senhora do Socorro. Em meio a imponentes medidas de segurança no exterior do edifício, a Igreja reabriu suas portas: o interior foi arrumado e limpo, embora haja ainda visíveis manchas de sangue nas paredes. Como contam as fontes da Fides presentes na celebração, os fiéis se vestiam trajes pretos em sinal de luto e seguravam velas acesas, para recordar os irmãos mortos. Uma grande cruz de círios acesos foi formada no pavimento central da nave, ao lado dos nomes e das fotos dos mortos. O pároco da Igreja, pe. Mukhlas Habash, que celebrou a Eucaristia, destacou que os cristãos estão rezando pelas vítimas e por seus agressores, recordando o mandamento de Jesus “Amai vossos inimigos” e convidando todos ao perdão. O sacerdote definiu os dois padres mortos como ‘mártires’. Segundo o relato de testemunhas, um deles, pe. Thaier Saad Abdal, teria dito aos terroristas. “Matem a mim, mas não esta família com crianças”, e usado seu corpo como escudo. “O futuro dos cristãos iraquianos – concluiu o pároco – não está nas mãos dos homens, mas nas mãos de Deus”. Entretanto, em todo o mundo, os cristãos iraquianos da diáspora fazem ouvir a sua voz e o protesto contra o massacre dos fiéis se propaga também através da Internet: uma ampla campanha foi lançada na rede social Facebook com uma página intitulada “The March Against the Ethnic Cleansing of Iraq’s Indigenous Christians”, que já registra 45 mil adesões. Desde junho de 2004, observam os cristãos no exterior, 66 igrejas foram atacadas com bombas e milhares de fiéis morreram. Os cristãos iraquianos no exterior estão organizando protestos públicos nas ruas em cidades como Londres, Cairo, Sydney, Los Angeles, Detroit, Chicago, Las Vegas, Toronto, e também em outras localidades no mundo, como na Alemanha, Holanda e Suécia, para pedir proteção para os fiéis no Iraque.
(PA) (Agência Fides 8/11/2010)

Autor: Lúcia Barden Nunes - Blog "Castelo Interior - Moradas"

Assinatura no blog: Lúcia Barden Nunes. Católica (Igreja Católica Apostólica Romana). Jornalista (Reg.Prof. MTb/RS 7.142- Lúcia Aparecida Nunes). Estado Civil: Casada (com Arturo Fatturi). Local de nascimento: Rio Grande do Sul. Data: 1960. País: Brasil.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: